UM POUCO SOBRE A FÍSICA DO SOM!

O SOM é uma ONDA MECÂNICA que se PROPAGA tridimensionalmente pelo ESPAÇO e APENAS EM MEIOS MATERIAIS (sólido, líquido ou gasoso).

Além de um meio, para que a propagação do som ocorra, é necessário que aconteçam COMPRESSÕES e RAREFAÇÕES. Lembrando que quando a ONDA SONORA passa, ela não arrasta as partículas de ar, apenas faz com que estas VIBREM em torno de sua posição de equilíbrio.

NO VÁCUO, por exemplo, como NÃO HÁ UM MEIO para a transmissão das ondas, NÃO SE PODE OUVIR SONS! Nele só se propagam ONDAS ELETROMAGNÉTICAS, que não precisam de um meio para se mover – como por exemplo: a LUZ.

MAS SE NO VÁCUO NÃO HÁ SOM, COMO OS ASTRONAUTAS SE COMUNICAM LÁ NO ESPAÇO? E COMO OS FILMES AMBIENTADOS NO ESPAÇO TEM SOM?

Na verdade, as ONDAS DE RÁDIO, assim como a luz, não são ondas materiais, são ONDAS ELETROMAGNÉTICAS, e o que as difere das demais, a grosso modo, como descrito, é a capacidade de se propagar no vácuo.
Os RÁDIOS portáteis ficam DENTRO DOS TRAJES ESPACIAIS, que POSSUEM AR e fornecem um meio para que o som se propague. Então, AS ONDAS ELETROMAGNÉTICAS SÃO TRANSFORMADAS EM SOM e captadas pelos ouvidos dos astronautas. O mesmo acontece DENTRO DAS NAVES espaciais, onde o ambiente fornece as condições necessárias para que as mensagens possam ser enviadas e recebidas.
Se você estiver no espaço e se chocar contra qualquer objeto, você irá ouvir o som do impacto. Isto porque haverá um meio na qual o som pode se propagar, que será seu traje espacial e ele chegará aos seus ouvidos. Contudo, uma segunda pessoa que o observasse não ouviria nada! Nos filmes de ficção científica, como nas naves espaciais no STAR WARS, por exemplo, o som dos seus tiros não seriam (ou não deveriam ser!) percebidos, somente os raios dos tiros que são ondas eletromagnéticas, que não necessitam de um meio material para se propagar. Concluindo: o Diretor do filme que nos perdoe, mas ‘ouvir’ o som dos tiros aí está totalmente errado!!! Mas, apesar de não obedecerem às leis da física do som, vale para dar mais emoção e pela diversão, não é mesmo, pessoal?!

Comentários

comentários